• Pr. Henrique Lino da Silva

Resplandecer

“Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, e a Tiago, e a João, seu irmão, e os conduziu em particular a um alto monte, E transfigurou-se diante deles; e o seu rosto resplandeceu como o sol, e as suas vestes se tornaram brancas como a luz.” (Mateus 17:1-2)

Jesus chama somente três discípulos: Pedro e os dois irmãos Tiago e João, e vai com eles a um monte muito alto. Observamos que Jesus, apesar de ter vários discípulos, só chamou os três, porque o objetivo não era plateia e sim testemunhos. O Senhor queria que eles vissem o que iria acontecer e depois testemunhassem, relatassem, como eles fizeram, e hoje temos conhecimento do que aconteceu, porque o Senhor Jesus fez questão de que esses discípulos vissem e contassem depois que Ele fosse morto e ressuscitasse. Jesus ia a montes para orar porque não havia um lugar tranquilo, ou assim fazia para dar um ensinamento aos seus discípulos em particular. Jesus não tinha privacidade, uma vez que sempre havia pessoas o procurando por vários motivos. Assim, Ele às vezes tinha que fugir de todos e subir a um monte qualquer para então poder ficar a sós com o Pai, poder orar e dialogar com Deus Pai. Jesus então diante deles se transformou, mudou, ficou diferente do que era realmente, isto é, seu rosto ficou totalmente iluminado como o brilho do sol, suas roupas ficaram extremamente brancas, tão brancas que seria impossível alguém conseguir lavar e deixar assim. Essa transfiguração, que é exatamente mudar, transformar, mudar a figura, a feição, foi o que aconteceu com Jesus, porque Ele estava mostrando o futuro, ou seja, o corpo glorificado. “E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com Ele.” (Mateus 17:3). Além de mostrar o seu corpo glorificado, como seria no futuro depois da sua morte, mostrou também Moisés, o representante da lei, e o profeta Elias, como representante de todos os profetas, e ambos estavam no corpo glorificado. Corpos glorificados todos nós teremos, isto é, os que forem considerados dignos de alcançar a vida, a salvação em Jesus; e devemos compreender que não é algo como um fantasma, mas um corpo que, apesar de ter o poder de atravessar paredes, ao mesmo tempo é sólido, pois pode se tocar nele, e, se quiser, alimenta-se normalmente, como Jesus mostrou depois da sua morte, pois em várias vezes em que apareceu Ele comia com os discípulos, e também pediu para tocarem em suas feridas, apesar de ter surgido de repente em um ambiente fechado. “E Pedro, tomando a palavra, disse a Jesus: Senhor, bom é estarmos aqui; se queres, façamos aqui três tabernáculos, um para ti, um para Moisés, e um para Elias.” (Mateus 17:4). Pedro, sem entender bem o que estava acontecendo, pensa de maneira natural, e muito prestativo se oferece para fazer cabanas para os três. Devemos observar que Pedro não conheceu Moisés nem Elias pessoalmente, mesmo porque eles viveram centenas de anos antes. Também devemos levar em consideração que naquela época não existiam fotos, portanto, Pedro não podia saber quem eram ou como eram Moisés e Elias. Porém, na hora ele soube, porque o Espírito Santo, o Espírito de Deus lhe revelou, afinal, eles estavam ali como testemunhas, portanto, tinham que entender tudo o que estava acontecendo. Deus não é Deus de confusão. Ele nos dá entendimento completo; quando Ele nos dá um sonho, uma revelação, nós sabemos o que significa. Quando temos sonhos e não conseguimos entendê-los, ou temos alguma suposta visão e não conseguimos entendê-la, sabemos que não são do Senhor, porque, quando Ele nos fala, sabemos com certeza o que irá acontecer. “E, estando ele ainda a falar, eis que uma nuvem luminosa os cobriu. E da nuvem saiu uma voz que dizia: Este é o meu amado Filho, em quem me comprazo; escutai-o.” (Mateus 17:5). Pedro ainda estava falando quando é interrompido por Deus, pois o Senhor se manifestou em forma de uma nuvem e os envolveu. Falou para eles que Jesus era o seu Filho amado, que deveriam ouvi-lo e não mais a Moisés, e não mais aos profetas. Deus estava falando, mostrando que o tempo de Moisés, da lei já tinha passado, tinha-se cumprido, que os profetas, tais como Elias, Isaías, Ezequiel, Jeremias, ou outro qualquer, tinham passado, e que agora todos deveriam ouvir somente Jesus. Portanto, sabemos que hoje nós ouvimos Jesus, e não outro ensinamento qualquer; não vivemos e não praticamos a lei, pois ela se cumpriu em Jesus; não ficamos presos a profetas, mas todas as profecias têm que estar obrigatoriamente de acordo com o Evangelho de Jesus Cristo. Hoje vivemos em Jesus, vivemos no Novo Testamento, na Nova Aliança feita no Sangue de Jesus, pois somente por Ele podemos ser salvos, uma vez que nenhum profeta pôde salvar alguém, ou Moisés, eles somente puderam salvar a si mesmos. “E os discípulos, ouvindo isto, caíram sobre os seus rostos, e tiveram grande medo. E, aproximando-se Jesus, tocou-lhes e disse: Levantai-vos, e não tenhais medo. E, erguendo eles os olhos, ninguém viram senão unicamente a Jesus.” (Mateus 17:6-8). Os discípulos Pedro, Tiago e João ficaram com muito medo e caíram, ou melhor, se curvaram em sinal de respeito, temor, respeito, mas Jesus toca neles e lhes manda ficar de pé e não terem medo. Quando eles se levantaram, tudo já tinha voltado ao normal, e eles não viram mais Moisés ou Elias. E Jesus lhes recomenda que não falem nada do que viram até Ele morrer e ressuscitar, ou seja, testemunharem só depois que Ele ressuscitasse. “E, descendo-os do monte, Jesus lhes ordenou, dizendo: A ninguém conteis a visão, até que o Filho do homem seja ressuscitado dentre os mortos.” (Mateus 17:9). Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe. Um abraço, Pr. Henrique Lino

Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

0 visualização

©2020 por Ministério Atalaia do Evangelho de Deus.

Siga-nos nas redes sociais!

  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • Instagram