• Pr. Henrique Lino da Silva

Culto Racional



“Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como um sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.” (Romanos 12:1)

Observando o que o apóstolo Paulo nos ensina aqui, ficamos tentando entender como os pregadores modernos ensinam tantas mentiras, pregam tanto contra a Palavra de Deus. A maioria se especializou no ensinamento de que, se formos filhos de Deus, seremos vencedores aqui, que teremos o melhor, que desfrutaremos o melhor, que iremos reinar, dominar. Mas Paulo nos diz que pela compaixão de Deus, pela misericórdia do Senhor, temos que apresentar os nossos corpos como sacrifícios vivos. Então o que Paulo está falando é que devemos esperar sermos sempre provocados, ofendidos, humilhados e perseguidos aqui, e isso Graças a sua misericórdia. Temos que viver em santidade, andar na contramão do mundo. Isso pode soar como uma provocação ao mundo, e assim eles reagem nos atacando, mas nós não podemos desistir, ao contrário, devemos perseverar sabendo que estamos agradando a Deus. Jesus nos disse que aqui teríamos aflições, teríamos lutas, portanto, não têm base Bíblica essas pregações e ensinamentos que dizem que, se o cristão está passando por lutas, ele está em pecado, pois é justamente o contrário. Jesus nos mandou pegar a nossa cruz e segui-lo. Assim, sabemos que sempre enfrentaremos lutas, mas existe um lugar com o descanso eterno nos aguardando, e é para lá que devemos nos dirigir, sem nos importar com as lutas presentes em nossas vidas, que são momentâneas. “E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.” (Romanos 12:2). Toda pregação e ensino contrário ao que a Bíblia nos fala, nos ensina, é maldito, portanto, sabemos que esses que pregam outras coisas são malditos e pessoas do mundo, servos do diabo, e não devemos em hipótese alguma aceitá-los, porque estaremos nos comparando a eles, seremos simplesmente cidadãos e cidadãs do mundo, servos do diabo, que estão aí para desviar os servos do Senhor. Assim, devemos meditar na Palavra de Deus e abrir as nossas mentes para entendermos, compreendermos a Palavra de Deus, e não nos deixar sermos enganados por esses charlatões.

“Porque pela graça que me foi dada, digo a cada um dentre vós que não tenha de si mesmo mais alto conceito do que convém; mas que pense de si sobriamente, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um.“ (Romanos 12:3). Não podemos pensar ou esperar vivermos como se aqui fosse o Paraiso, porque não foi isso que o Senhor nos prometeu, e sim muitas lutas aqui neste lugar da nossa peregrinação, e o descanso eterno com Ele se conseguirmos passar por essas lutas e provações sem nos desviarmos. Assim, não podemos pensar que temos o direito de vivermos aqui nababescamente, no descanso. Devemos sempre lembrar que aqui é território inimigo, que não temos nada aqui, e, consequentemente, não temos direito a nada aqui. Não podemos exigir nada aqui, e muito menos pedir ao Senhor que nos dê algo, uma vez que sabemos que aqui o príncipe não é Ele, quem reina aqui é o inimigo das nossas almas. Somos corpos de Cristo e sabemos o exemplo que Ele nos deu. Uma vez sendo Deus, abandonou tudo, se revestiu de carne, veio ao mundo como uma pessoa normal e viveu todos os tipos de afrontas e perseguições. Nasceu não em um palácio, mas em uma manjedoura, que é lugar de alimentar animais, e não teve nenhum bem material, mas nos comprou a todos nós com o seu Sangue carmesim. Sofreu, foi espancado, humilhado, crucificado e morreu na cruz do Calvário, mas recebeu o lugar de mais alta honra, e hoje é Senhor, e todos os joelhos se dobram diante Dele, no céu, na terra ou debaixo da terra. Se somos o seu corpo, perseveramos em viver como Ele viveu e não ficarmos buscando o que Ele não prometeu e nem viveu. “Pois assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma função, assim nós, embora muitos, somos um só corpo em Cristo, e individualmente uns dos outros.” (Romanos 12:4-5).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Perseverar