• Pr. Henrique Lino da Silva

Cuidar



“Permaneça o amor fraternal. Não vos esqueçais da hospitalidade, porque por ela alguns, sem o saberem, hospedaram anjos. Lembrai-vos dos presos, como se estivésseis presos com eles, e dos maltratados, como sendo-o vós mesmos também no corpo.” (Hebreus 13:1-3)

 

         Sempre temos de permanecer o amor, sempre devemos nos examinar se realmente estamos amando como deveríamos, como o Senhor determinou, caso contrário, toda a nossa corrida se tornará em vão. Podemos fazer tudo, mas, se não for por amor, nada valerá. Também devemos analisar o que é o amor de acordo com a Palavra de Deus, para não confundirmos esse sentimento carnal, humano, com o amor, pois o que é terreno é corrompido, e o que é do alto é puro. Não podemos com desculpas de amar estar concordando com o pecado, tolerando, aceitando, porque assim não estaremos amando, mas odiando. Também não podemos deixar de ser hospitaleiros, mas sempre com amor, e saber sempre como, quem e em qual situação podemos hospedar, cuidar do próximo, porque, se sabemos que uma pessoa está vivendo nos crimes, em vícios, e não aceita a Palavra de Deus, por maiores que sejam as dificuldades dela, não podemos colocá-la dentro das nossas casas, e muito menos ajudá-la, porque assim estaremos odiando e apoiando os seus erros, incentivando-a a continuar da mesma maneira. Por isto a necessidade de sempre estarmos lendo a Bíblia, meditando na Palavra de Deus, para que possamos aplicar os ensinamentos do Senhor com segurança. Também não podemos condenar qualquer pessoa pelo fato de ela estar presa, detida, acusada de cometer um crime qualquer, porque, por mais que seja verdade a acusação, não sabemos se ela se arrependeu, porque, se ela se arrependeu, ela é tão limpa como qualquer um de nós. Não importa o crime, o delito que a pessoa cometeu, mas se ela se arrependeu, então devemos apoiar, ajudar, socorrer, pois não somos melhores do que ela. Devemos atentar para o fato de que para o Senhor não existe diferença de pecado, não existe um grande e um pequeno pecado, o que existe é simplesmente o pecado, e por Ele, se não houver arrependimento, todos padecerão por toda a eternidade. Assim, podemos estar apoiando, socorrendo um anjo do Senhor, e sabemos que o Senhor não enviaria um anjo que estivesse nos erros, na verdade; se estiver em erro, não é anjo do Senhor, mas do diabo.

         “Honrado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; pois aos devassos e adúlteros, Deus os julgará. Seja a vossa vida isenta de ganância, contentando-vos com o que tendes; porque Ele mesmo disse: Não te deixarei, nem te desampararei.” (Hebreus 13:4-5). É obrigação de todos respeitarem o casamento, tanto o seu como o dos seus semelhantes, não se pode em hipótese alguma sequer pensar na possibilidade de adultério.  As esposas e os maridos jamais podem trair um ao outro, ou se relacionar com outra pessoa, uma vez que, ao se casarem, o Senhor os transformou, e deixaram de ser duas pessoas e passaram a ser somente uma. Ninguém pode interferir em um casamento, não pode haver relacionamento sexual com qualquer pessoa casada, pois será pecado, é adultério, e está claro que os adúlteros não herdarão o Reino de Deus. Tenham plena certeza de que os adúlteros serão submetidos a rigorosos julgamentos pelo Senhor. Também não podemos de maneira alguma ser gananciosos, vivermos para ganhar dinheiro, sendo a nossa preocupação obter lucros, arrecadar cada vez mais, porque temos que nos preocupar em gastar o nosso tempo em viver, pregar, ensinar e sermos exemplo do Evangelho. Não temos promessa de ficar ricos, de o Senhor nos enriquecer, nos tornar abastados, essa pregação de prosperidade é doutrina de pregadores gananciosos que vivem explorando o rebanho, mas com certeza eles prestarão contas ao Senhor. O que temos é a Promessa do Maná do Senhor, e o Maná é termos o que comer, beber, vestir, um teto sobre as nossas cabeças, e não faz diferença se é emprestado, alugado ou financiado. Não vivemos em lutas mundanas, vivemos em batalhas contra a nossa carne e contra o pecado, pois sabemos que estamos somente peregrinando por aqui em direção a nossa casa definitiva. “De modo que com plena confiança digamos: O Senhor é quem me ajuda, não temerei; que me fará o homem? Lembrai-vos dos vossos guias, os quais vos falaram a palavra de Deus, e, atentando para o êxito da sua carreira, imitai-lhes a fé. Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente.’(Hebreus 13:6-8).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.

Um abraço,

Pr. Henrique Lino


10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Perseverar