• Pr. Henrique Lino da Silva

Cooperadores

“E nós, cooperando também com Ele, vos exortamos a que não recebais a Graça de Deus em vão (Porque diz: Ouvi-te em tempo aceitável e socorri-te no dia da salvação; eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação).” (2 Coríntios 6:1-2)

Todos nós temos a obrigação de sermos cooperadores de Deus, isto é, de vivermos como Ele determina e, principalmente, de pregarmos o Evangelho de Jesus Cristo. Temos o dever de levar a mensagem da cruz, as boas novas, a Boa Notícia do Reino a todos e a todos os lugares. E isto nós fazemos falando, mas muito mais através da nossa maneira de viver, do nosso comportamento e caráter, porque temos que ser luzes em meio às trevas, temos que ser diferentes neste mundo que jaz no maligno. Assim, sabemos que não podemos nos associar, concordar com os erros, com o pecado ou com qualquer coisa que seja contrária à Palavra de Deus. Jesus veio ao mundo, sofreu todos os tipos de afronta por nossa causa e morreu para que pudéssemos ser libertos do pecado. E fez isso de maneira gratuita, pois não tivemos que fazer nada, e não fazemos nada para receber, para merecer essa Graça. Por isto há necessidade de nos unirmos a Ele, e essa união só se dá através da obediência a sua PALAVRA. O Senhor ouviu o nosso clamor, atendeu e continua atendendo os nossos pedidos, porque inúmeras vezes erramos, mas, quando nos arrependemos e vamos diante Dele e clamamos por perdão, Ele na mesma hora nos perdoa, nos lava, nos purifica dos nossos pecados, e Ele não se lembra mais deles. Por isto temos que compreender que hoje é o nosso dia, é o dia em que devemos nos arrepender, que devemos nos converter totalmente a Ele, nos unirmos a Ele para que de alguma forma possamos alcançar a vida Nele. “Não dando nós escândalo em coisa alguma, para que o nosso ministério não seja censurado.” (2 Coríntios 6:3). Assim, se sabemos quem é Cristo, se conhecemos a sua pureza e santidade, então sabemos como devemos andar, nos portar, e jamais nos envolvermos com qualquer coisa que possa trazer comentários maldosos a nosso respeito. Não podemos denegrir a imagem do Evangelho, pois isso significa nossa própria condenação, porque sabemos que Cristo não tolera, não aceita nenhum tipo de erro, de trevas, uma vez que Ele é a Luz, e nós, como seus discípulos, temos que andar em sua Luz sendo pequenas luzes. “Antes, como ministros de Deus, tornando-nos recomendáveis em tudo; na muita paciência, nas aflições, nas necessidades, nas angústias, nos açoites, nas prisões, nos tumultos, nos trabalhos, nas vigílias, nos jejuns.” (2 Coríntios 6:4-5). Como discípulos de Jesus, como cooperadores de Deus, temos que viver de maneira irrepreensível, isto é, não dando motivo a ninguém falar mal a nosso respeito, nem cristãos e muito menos ímpios. Que eles venham falar de nós pela maneira como servimos ao Senhor, pela nossa dedicação, seriedade, por sermos servos de Deus, e não por andarmos de maneira desordenada. Sabendo que lutas, sofrimentos, e perseguições são normais na vida do cristão, então não reclamemos e nem nos lamentemos, e sigamos o nosso Mestre, que é Jesus Cristo, sabendo que muito mais Ele sofreu por nós. Por isto sabemos que realmente somos cristãos quando não nos assustamos com as lutas e sofrimentos, pois sabemos que seguimos o nosso Mestre, e a todo o tempo olhamos para o Autor e Consumador da nossa fé. Não existem cristãos verdadeiros, discípulos de Jesus que não passem por lutas, por aflições, porque estamos em território inimigo, estamos em terras estranhas, somos estrangeiros aqui, somos peregrinos em direção a nossa pátria. Assim, quando alguém está lamentando, dizendo que está sofrendo muito por ser cristão, por fazer o que é certo, então sabemos que essa pessoa ainda não é convertida a Cristo. “Na pureza, na ciência, na longanimidade, na benignidade, no Espírito Santo, no amor não fingido, Na Palavra da verdade, no poder de Deus, pelas armas da justiça, à direita e à esquerda, Por honra e por desonra, por infâmia e por boa fama; como enganadores, e sendo verdadeiros.”(2 Coríntios 6:6-8). Temos que viver na pureza, isto é, sermos puros em toda nossa maneira de viver, de falar, de fazer e até de ouvir; temos que ser pessoas boas, sempre misericordiosas, sempre prontas para ajudar a todos os que necessitam, sempre dispostos a fazer pelo próximo o que queremos que nos façam. Devemos andar sempre guiados pelo Espírito de Deus e usar os dons com os quais o Senhor nos capacita de maneira correta, para que em tudo o Nome do Senhor (que é Santo para sempre Amém) seja Glorificado. Usarmos sempre as armas de justiça, estarmos sempre preparados para pregar o Evangelho, sermos capacitados para esclarecer, tirar as dúvidas das pessoas que não conhecem Cristo. Temos que todos os dias buscar um momento, um tempo para nos dedicar à meditação na Palavra do Senhor, pois somente ela pode nos capacitar para sermos verdadeiros pregadores do Evangelho. “Como desconhecidos, mas sendo bem conhecidos; como morrendo, e eis que vivemos; como castigados, e não mortos; Como contristados, mas sempre alegres; como pobres, mas enriquecendo a muitos; como nada tendo, e possuindo tudo.”(2 Coríntios 6:9-10). Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe. Um abraço, Pr. Henrique Lino Se você está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br – O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Paz